sábado, 3 de março de 2018

de tudo, fica um pouco



Os bons momentos ficaram, e se hoje tenho raiva ou desprezo pela pessoa dele, é um sentimento do hoje e não deve manchar as memórias do que foi bom e real - essas são minhas e faço questão de guardar. Ele não é "só mais um boy que, infelizmente, não deu certo", como sua amiga firmou, em minha defesa; deu certo, sim, até dar errado. A parte errada eu quero esquecer, e cá me mantenho nesse esforço. Já a parte que deu certo eu mantenho, não segurando com força nas mãos, mas bem envelopadas no arquivo afetuoso da lembrança.

Fica o aprendizado da hora trêmula, do desligamento, e de tudo que fui furçado a aprender sozinho. No fim, é tão bom aprender, passada a devida dor. Fica a experiência de compartilhar, de vincular, o "me abrir" que eu decerto precisava resgatar. Fica a lição de expressar o que eu sinto e não aceitar calado o que me abate; o erro também foi meu em não questionar o que estava acontecendo. Comunicação é via de mão dupla, e eu deveria ter vencido minha tendência à retração e dito algo, não por ele, mas por mim, no momento de abandono e incerteza.
Fica a lição de estar no agora, e principalmente lidar com o agora hoje, agora, porque ele é tudo o que há, e de viver com mais perspectiva e menos expectativas - deixar as coisas tomarem curso natural, pois é melhor se surpreender do que se decepcionar. Dar combustível aos sonhos, sim, mas sem esperar nada de nada, tampoudo de ninguém.

Fica a sugestão de escrever o irreal e viver o real, quando minha cabeça começar a criar histórias. Idealizar é o meu mal, então se for sonhar acordado, melhor passar ao papel, cena a cena, os cenários e diálogos e tudo mais que pertença ao imaginário, e viver a ficção no plano da ficção, isolado da realidade, onde eu não controlo os personagens.

Já citei que "um coração partido é como uma morte", sobre a última vez; pois aqui também houve morte. Só não precisei morrer desta vez.



Continue to breathe, continue to breathe
In times like these that's what your heart is for
Continue to breathe, continue to breathe
In honor of your brother, that's what your heart is for

Fight for your life, fight for your life
In the face of a society that doesn't value your life
[...]
For the future, for the future, for the future, for the future
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2008-2018 wando joe [ from joe ]