domingo, 9 de maio de 2010

wanderlust

Você já se sentiu triste por não gostar da pessoa que você é? E o que te deixa mais infeliz é não ter esperanças de um dia mudar, você sabe que essa pessoa jamais será alguém melhor. Você está preso com ela, e sem saída, não importa o que os outros digam.



É um desespero mudo, e inquietante. Minha única vontade é desaparecer, não desta casa, desta cidade, nem deste país; desaparecer desta vida.

2 comentários:

  1. Eai Joe, tudo bm??
    Acho q não muito pelo post né??
    Claro, se isso representa oq esta pensando...
    Engraçado é q eu já me senti assim um dia, e estava eu aqui pensando, agora mesmo, após ler seu post, como faz tempo que nao me sentia assim, desta forma, com vontade de "sumir da vida".. Na vida acontecem mudanças boas e ruins, e até as ruins podem ser de certa forma boas, pois elas fazem que não sejamos completamente estranhos por só acontecer coisas boas em nossas vidas.. Minha vida mudou completamente quando vim morar em são Paulo.. Essa foi uma das coisas boas que me aconteceram e desde então não me lembro de ter me sentido tão triste a ponto de querer "sumir da vida".. Na verdade estou ate com medo que algo ruim acontecA, afinal sou uma dessas pessoas normais... Rsrs
    abraço

    ps.: ahh, e são Paulo esta com aquela "cara de são paulo"... Friozinho, característica boa dessa cidade q adoro

    ResponderExcluir
  2. Oi ZinhO! Tô bem não, e você? Hehehe
    No meu caso não foi uma mudança que me abateu, sequer mudou nada na minha vida assim tão drasticamente. Foi a mesmice de sempre que botou sus luvas de boxe e deu com a mão na minha cara. Mas enfim, por mais triste e solitário que esteja meu caminho, eu continuo aprendendo a cada tombo e a cada acerto. É isso que me mantém de pé ainda.
    Obrigado pelo comentário.
    E nem me fale de São Paulo, que semana passada mesmo eu estava pensando nesse lugar curioso, tô doido pra dar uma passada aí no meio do ano e pegar aqueles 13º de novo. Adoro.

    Valeu pela visita, volte sempre.

    [j]

    ResponderExcluir

© 2008-2017 wando joe [ from joe ]