sábado, 20 de maio de 2017

#loveislove: BARRACUDA

Descrita como "uma comovente estória sobre identidade, obsessão, desejo, as alturas vertiginosas do sucesso e o aterrorizante risco de fracasso", Barracuda conta, em um arco conciso, a trajetória do jovem Danny Kelly em busca do sonho de ser o maior nadador do mundo.

Vindo de uma família de imigrantes de classe média, Danny ingressa em uma escola de elite em Melbourne como bolsista, para integrar o treinamento de natação da instituição. Seu primeiro desafio é superar o preconceito quanto às suas origens e conquistar o respeito do seu time. Ao longo dos anos 1996-2000, torcemos por um garoto obstinado que tropeça em sua própria obsessão com o sucesso. Vencer é tudo, mas antes Danny terá de aprender a vencer a si mesmo. À medida que se aproxima do seu objetivo de representar a Austrália nas Olimpíadas de Sydney em 2000, ele enfrenta uma barreira de obstáculos fora d'água ao explorar sua sexualidade – no desenvolver de uma paixão asfixinte por um colega de time, que lhe causa um descompasso–, e manejar suas relações e impulsos adolescentes com um objetivo claro em mente: a vitória. Há muito que aprender nesta jornada tão impulsiva e veemente.

A minisséria, contada em quatro episódios de 1 hora, é baseada no livro do romancista Christos Tsiolkas e foi produzida pela NBCUniversal com o canal australiano ABC, e então adquirida pela BBC Three, que acreditou que o programa se enquadra nos moldes de produção do canal, por ser um drama complexo e emocional, lindamente executado, e com uma trama rica que aborda temas pertinentes ao público jovem. De fato, é uma produção delicada e distinta, um lindo exemplo do potencial produtivo da tevê australiana e uma bela dica de conteúdo.

Por enquanto, Barracuda infelizmente não está disponível em plataformas de streaming. Interessados terão de recorrer a fontes alternativas.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

© 2008-2017 wando joe [ from joe ]